Goiás

Goiás

  • Inovou ao realizar em março, de forma pioneira, uma coletiva de imprensa, já aplicando as normas de distanciamento social antes mesmo que elas fossem obrigatórias;
  • Federação foi escolhida pelo Fórum Empresarial (que reúne as Federações da Agricultura, Indústria e outros) como representante dos empresários na interlocução com o governo para tratar da pandemia;
  • Produziu documento de acordo com um projeto chamado Sempre Vida, com as medidas de segurança que devem ser implementadas por todos e divididas por setores do comércio, enviado a várias prefeituras e lideranças;
  • Realização de lives em que os empresários puderam tirar dúvidas sobre questões jurídicas e a situação da economia goiana e nacional;
  • Postergação do prazo para recolhimento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), nos meses de março, abril, maio e junho, pelo prazo de 120 dias, com possibilidade de parcelamento em até 12 parcelas mensais e consecutivas depois de exaurido os prazos, sem prejuízo de nova suspensão se persistirem os efeitos da crise econômica;
  • Suspensão imediata do pagamento do Diferencial de Alíquota (Difal) pelo prazo mínimo de 120 dias, postergando o pagamento ao fim deste período, com possibilidade de parcelamento em até 12 parcelas mensais e consecutivas, sem prejuízo de nova suspensão se persistirem os efeitos da crise econômica;
  • Parcelamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) em até dez parcelas mensais e fixas, incidente sobre os veículos com placas finais 3 a 0, de propriedade de empresas que utilizam sua frota no transporte de bens e mercadorias, destinados a revendedores e consumidores finais;
  • Elaboração conjunta de Termo de Acordo com o Procon estadual, evitando demandas injustificadas que visem à punição e aplicação de multas em razão de cancelamentos de eventos, shows, feiras, congressos e similares;
  • Suspensão de prazos, pelo período inicial de 15 dias, para a prática de atos processuais no âmbito da Secretaria de Estado da Economia, sem prejuízo de nova suspensão se persistirem os efeitos da crise econômica que afeta o setor;
  • Abster-se de promover autuação para cobrança de multa formal, postergando os prazos para entrega de declarações relativas aos tributos estaduais;
  • Disponibilização de linha de crédito especial pela Agência de Fomento de Goiás (GoiásFomento), com exigência única de aval e aprovação imediata da proposta nos limites abaixo:
  • Micro crédito de até R$ 15 mil com taxa zero de juros, carência de 180 dias e amortização em no mínimo 36 meses;
  • Linha de crédito de até R$ 50 mil para investimentos ou capital de giro para microempresas, empresas de pequeno e médio porte, empreendedores individuais, autônomos e empreendimentos do agronegócio, com taxa zero de juros, carência de 180 dias e amortização em no mínimo 48 meses;
  • Suspensão da cobrança, pelo prazo de 120 dias, referente à participação de 5% sobre os benefícios fiscais e adicional de 2% de ICMS sobre produtos supérfluos, destinados ao Fundo Protege.
  • Lançamento de campanha em parceria com o Governo do Estado: “Só por agora, amar é manter distância de quem você quer perto”;
  • O Mesa Brasil Sesc já arrecadou e distribuiu 36.407,60 kg de gêneros alimentícios, 2.640 unidades de produtos de higiene/limpeza para mais de 50 instituições e 7.883 pessoas assistidas;
  • Lançamento do projeto Live no Sofá, com grandes nomes da música, como; Gusttavo Lima, Marília Mendonça, Bruno e Marrone, Aline Barros, Cleber e Cauan, Simone e Simaria, Leonardo e muitos outros;
  • O Sesc Cidadania (educação infantil, ensinos fundamental e médio) tem realizado aulas on-line e enviado atividades para os alunos diariamente;
  • A Escola de Idiomas Sesc/Senac mantém aulas on-line com envio de atividades;
  • A coordenação do desenvolvimento físico funcional tem realizado lives de segunda a sexta, com treino de hiit, funcional para 50+, recreação, skate e grafite no perfil do Instagram e Youtube do Sesc Goiás;
  • Vídeos com dicas de exercícios para fazer em casa;
  • Na Saúde Bucal, os atendimentos em caráter de urgência e emergência continuam sendo realizados; e
  • O Mesa Brasil Sesc em Goiás começou a fazer a entrega dos produtos arrecadados por meio do projeto Live no Sofá. Mais de 30 toneladas de alimentos, doadas durante a apresentação dos artistas Bruno e Marrone, Gustavo Lima e Simone e Simaria, estão chegando desde o dia 1o de maio à mesa de milhares de famílias impactadas pela pandemia de covid-19. Já foram contempladas a Associação Quilombola Recantos Dourados, localizada em Abadia de Goiânia; a Casa de Eurípedes, em Goiânia; Sociedade Espírita João Nunes, em Aparecida de Goiânia; e a Vila São Cottolengo, em Trindade. Ao todo, foram 5 toneladas de alimentos e produtos como: arroz, feijão, abóbora, leite, sabonete líquido e álcool gel.

Share this post

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *